"Los límites de la fotografía está en nosotros mismos, ya que lo que vemos es lo que somos". Ernst Haas





incienso






5 comentarios:

Esteban Guerra dijo...

Que hermoso trabajo. Hacer fotografía abstracta es todo un tema porque depende mucho de la creatividad y sentimiento. Te felicito!!

Mariana Marziali dijo...

Muy buenas!!! realmente originales! Saludos

Susana Munay dijo...

Me encantan!!

continuando assim... dijo...

Convite
O livro "Continuando assim..." foi maltratado...

Resolvi por isso, e porque tanta gente não encontra o livro onde deveria estar (nas livrarias), recontar a história
Lá no …. Continuando assim…

Vamos em metade da história, o livro reescrito, não está igual (nem poderia!) ao que foi editado.
Obrigada a todos os que vão seguindo ( pois só assim vale a pena).
E já lá vão mais de 200 comentários de pessoas tão diferentes umas das outras…
Um obrigada especial a quem ainda não conhece, e chega de novo

Mais uma reflexão em relação a todo este assunto, e um conselho, se é que me é permitido:

--- quando vos pedirem dinheiro para editar as vossas palavras, simplesmente digam que não ---
BJ
Teresa

Joe dijo...

Me gusta el formato espiralado del humo, junto al color y texturas hacen una serie muy atractiva.
Un beso, José